ordem dos livros de a seleção

Ordem dos Livros de A Seleção: Conheça a série de Kiera Cass

Já pensou se houvesse um concurso para encontrar uma nova rainha entre todas as cidadãs de um país? Pois é, essa é a proposta que a autora Kiera Cass faz na ordem dos livros de A seleção. Uma distopia no país chamado Illéa, onde todos os príncipes devem encontrar uma esposa através de uma seleção. Mas se engana quem pensa que o livro é apenas sobre romance. 

Por isso, se você gosta de ficções com bastante aventura e histórias empolgantes, esse post é perfeito para seu tipo de leitura. Portanto, continue com a  gente lendo este artigo, que aqui vamos contar tudo sobre essa série e porque ela ganhou o mundo. 

A história acompanha América Singer, uma garota nascida em Illéa, um país dominado pela exclusão social de um povo dividido em castas. Isso mesmo, cada cidadão tem um nível social que só pode ser mudado pelo casamento, onde cada casta tem uma profissão específica. Dessa maneira, quanto mais longe do 1, a realeza, mais pobres os cidadãos são. 

Então, de tempos em tempos, quando o príncipe herdeiro precisa se casar, é feito um concurso entre as jovens do país: a seleção. A vencedora tem o direito a se tornar a Rainha de Illéa casando com o príncipe. As tarefas que as jovens enfrentam são as mais diversificadas possíveis, sempre com a observação atenta do rei e da rainha. 

Mas é aí que a coisa começa a pegar no livro. E se você acha que ele é somente sobre romance e fofurices, está redondamente enganado, caro leitor. O país vai fazer a seleção no meio de uma revolução do povo, que já está cansado da desigualdade social. E aí é que o negócio aperta, porque os revolucionários querem usar a seleção como maneira de estourar uma revolta.

A autora da saga é Kiera Cass, uma escritora americana que ficou mundialmente famosa após a publicação ordem dos livros de A seleção. Assim, a fama foi tão grande que já existe até uma produção de filme para o serviço de streaming Netflix, com base nos livros escritos pela autora. 

Hoje, ela colhe os frutos da fama dos livros e participa do processo de produção do filme, que ainda não tem data de estreia confirmada. Além disso, Kiera Cass tem um canal no Youtube, onde mostra sua rotina e conversa com os fãs sobre os livros e suas próximas produções. 

A autora cria uma história muito dinâmica, com uma leitura  gostosa e empolgante. Apesar de ser uma literatura teen, os elementos criados pela escrita cativam até os mais velhos. Alguns pontos do livro são tão intensos, que é praticamente impossível parar de ler. Dessa maneira, o ritmo muitas vezes é alucinante e a história cativa também pela adrenalina e as sequências de ação. 

A sequência de livros da série tem duas partes: a primeira é a história de América e a seleção do príncipe Max; a segunda parte da série acompanha a filha de Max e América, Evelyn, lidando com as pressões da realeza e a responsabilidade de escolher um novo príncipe durante sua seleção.

Se até aqui você já ficou interessado, continue na leitura para saber um pouco mais sobre cada título da série. Separamos um resumo dos livros para você sentir um gostinho a mais da história e se empolgar para começar a leitura. Pode acreditar, vale muito a pena!

A Seleção 

a seleção livro

Neste título você começa a acompanhar ordem dos livros de A Seleção, com a história de América Singer e conhece um pouco mais da realidade do país pelos olhos dela. América é uma cinco, a casta dos artistas. Abaixo dessa casta só existem mais duas, em níveis extremos de pobreza. Ela é feliz, com um crush na casta seis e vive a vida pensando no futuro que vai levar ao lado dele. 

Porém, ela não sabia que seria escolhida para a seleção e sua vida inteira iria mudar. Assim, de uma hora para outra América se vê em um mundo de palácios, boas maneiras e várias outras concorrentes disputando a única coisa que ela não quer: o príncipe Maxon. 

Acontece que o destino é uma loucura, não é? O príncipe acaba se apaixonando justamente pelo jeitinho de América, e ela se vê confusa com toda a situação. Então, entre os novos costumes, concorrentes desonestas e uma revolução popular violenta, América acaba encontrando o amor de uma maneira bem singular. 

Mas chega de spoilers! Se você quiser saber como é que América consegue superar todas as barreiras sociais, já inclua esse volume em sua lista de leituras. Portanto,  recomendamos que leia o livro e também se encante com esse título cheio de aventuras.

A Elite 

a elite livro

No segundo volume da ordem de livros de A seleção, a disputa fica bem mais afunilada e só sobraram seis garotas. Esse grupo de lindas jovens que continuam na busca pelo amor do príncipe é chamada de: a elite. Por isso, os testes e a concorrência ficam cada vez mais apertados para América, que agora está caída pelo príncipe Maxon. 

Contudo, a nossa personagem principal não é a heroína comum dos romances. Ela é obstinada e tem uma relação muito forte com as questões sociais do país. E não é que no meio da disputa a gente vê a América envolvida com a revolução do país? Ela sente o dever de contribuir para acabar com as desigualdades que o sistema de castas proporciona, e acaba mantendo contato com os revolucionários. 

Então, em meio a amores do passado que ressurgem, ataques terroristas e muitos momentos emocionantes, América continua na seleção. Porém, agora ela precisa seguir no concurso para tentar ajudar a resolver os problemas de seu país. Você pode esperar muitas descobertas emocionantes, e sequências de ação de tirar o fôlego neste volume. 

A Escolha 

a escolha

O terceiro volume da ordem dos livros de A seleção se chama a escolha e é a trajetória final do concurso. América continua entre as três finalistas, e agora ela já sabe que está perdidamente apaixonada pelo príncipe Maxon, porém dividida pelos deveres com seu país. 

Além disso, o rei decide que vai usar o processo da seleção como maneira de manipular a população e direcionar para seus próprios interesses. Assim, ele tenta de todas as maneiras utilizar as garotas como massa de manobra para tentar conter as revoluções, que nesse volume se tornam muito mais violentas. 

América e Maxon também começam a ter embates complicados. Principalmente porque o príncipe quer contrariar o pai e realmente escolher uma esposa, ao invés de uma aliada política. Já o rei acredita que a escolha da nova rainha precisa ser baseada em conexões políticas. E nesse meio, América começa a sofrer diversos tipos de pressões por parte do rei, que tenta de todas as maneiras expulsá-la da seleção. 

Para saber como foi a escolha e como terminou a revolução popular, acompanhe o livro na íntegra. Descubra através da leitura como continuou o romance de América e Maxon, e como a revolução influenciou o sistema de castas em Illéa. Mas já te damos o aviso: prepare-se para se emocionar bastante com o final dessa história. 

A Herdeira 

a herdeira livro

No quarto volume da ordem dos livros de A Seleção você pode acompanhar a vida em Illéa após 20 anos dos primeiros acontecimentos. Agora, o país vive sem castas e a princesa Eadlyn, filha de Maxon e América, se prepara para governar. Portanto, a gente começa a conhecer um pouco mais sobre a personalidade da jovem princesa. 

Porém, mesmo sem o sistema de castas, o país passa por uma nova revolução. As pessoas ainda estão insatisfeitas com as condições sociais, e o rei Maxon tenta pensar em uma solução. Como maneira de atrasar as revoltas populares, ele propõe à filha uma nova seleção para encontrar o príncipe de Illéa. 

Contudo, a princesa Eadlyn não está nem um pouco feliz com essa decisão. Ela quer ajudar a governar, e não encontrar um marido. Assim, acaba se propondo a não fazer o mínimo esforço para conhecer os 35 garotos que participarão da competição. 

Ela atormenta os pobres rapazes o tempo todo e o reflexo disso é a piora na revolução popular. Enquanto ela tenta ajudar o pai a ganhar tempo para resolver a situação, acaba se permitindo dar um pouco mais de espaço aos garotos, e é surpreendida pelas pessoas incríveis que conhece. 

A Coroa

a coroa livro

A coroa é o último volume da ordem dos livros de A Seleção que tem um viés político bem mais elaborado que os outros títulos. Você acompanha bem mais das situações que envolvem o país, e o esforço de Eadlyn para tomar seu lugar de maneira eficaz no governo de Illéa. 

Contudo, o romance não é deixado de lado e nesse volume ela precisa tomar uma decisão sobre a seleção. Por isso, a autora consegue nos levar para os conflitos amorosos da princesa, e o surgimento de um garoto especial que ganha espaço em seu coração. 

No final das contas, Eadlyn acaba usando a força e criatividade para ajudar o pai a resolver os conflitos em Illéa. E a seleção acabou não sendo tão difícil no fim, porque ela se apaixona perdidamente por um dos candidatos. Quer saber qual foi? Então leia a coroa e se apaixone pelo final desse livro. 

Felizes Para Sempre 

felizes para sempre livro

Com o sucesso da série, a autora Kiera Cass resolveu dar um bônus para os fãs. Assim, escreveu Felizes para sempre, que é um livro de contos sobre a acontecimentos de antes do primeiro livro, e com pontos de vista de outros personagens. 

Por exemplo, no primeiro conto intitulado de A rainha, vemos como a rainha Amberly, mãe de Maxon, foi escolhida. Ela conta sobre sua paixão pelo rei Clarkson e como aconteceu a seleção deles. Dessa maneira, o conto também ajuda a entendermos alguns aspectos dos primeiros livros, sobre a relação entre o rei e a rainha. 

No conto O príncipe, conseguimos ver a seleção de Maxon pelos olhos dele, e como foi conhecer América Singer. Assim, a autora traz uma perspectiva nova sobre os primeiros livros, e a gente conhece mais ainda a personalidade e os medos de Maxon sobre a seleção e os conflitos familiares. 

O terceiro conto, nomeado como O guarda, é narrado por Aspen (lembra do primeiro crush da América?) e a gente consegue ver um pouco mais a ligação que os dois tinham. O quarto e último conto quem narra é Marlee (prepare os lenços), melhor amiga de América e participante da seleção. Então, de uma maneira emocionante, conta como foi o processo de encontrar o amor e todos os sofrimentos que isso gerou. 

Conclusão

À primeira vista, a série pode parecer mais uma leitura teen cheia de romance trivial. Porém, quando você começa a aproveitar dessa história, percebe que tem muito mais por trás de somente um conto de amor. O livro fala sobre o poder que as desigualdades sociais têm, e como é importante lutar pelos ideais coletivos. 

Sem dúvidas, é uma leitura super empolgante que vai prender você nos momentos mais tensos. Os livros fluem muito bem e não perdem o ritmo. Porém, como nem tudo são flores, o começo do quarto livro pode ter um pouco de lentidão nas primeiras páginas. Contudo, quando começa a tomar ritmo, a leitura volta a ser bem dinâmica. 

Por isso, pelo conjunto da obra e a satisfação de descobrir cada coisa nova, a série A seleção vale muito a pena. A tradução para o português também é um dos pontos fortes, que não ficou falha e nem com erros graves de edição. Ponto para a editora Seguinte, um selo da Companhia das Letras. 

E se você curtiu o conteúdo e ficou interessado em conhecer mais títulos desse gênero, a gente te ajuda nessa hora. Aqui no blog temos vários outros artigos sobre livros de romance para você conhecer vários títulos bacanas. Fique sempre por dentro das novidades do mundo literário acompanhando nosso conteúdo!

Gostou de conhecer a ordem dos livros de A Seleção? Veja outros posts recentes do blog!

Crédito de imagem: Lua Pramos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.