quarteto smythe smith ordem

Ordem Dos Livros do Quarteto Smythe-Smith

Não é a primeira vez que a ilustre Julia Quinn aparece aqui no blog. É simplesmente uma das romancistas mais conhecidas da literatura contemporânea. Ela é autora de inúmeros sucessos editoriais, e hoje falaremos de um dele, apresentando a ordem dos livros do Quarteto Smythe-Smith em ordem.

A série é composta de quatro volumes — Simplesmente O Paraíso, Uma Noite Como Esta, A Soma de Todos os Beijos e Os Mistérios de Sir Richard. Desde 2011, quando o primeiro livro foi publicado, esse trabalho da Julia vem fazendo muito sucesso em vendas. A Editora Arqueiro, que detém os direitos de publicação da autora no Brasil, trouxe uma edição maravilhosa em PT-BR.

A grande família Smythe-Smith tem, em sua tradição, o costume peculiar de reunir 4 de suas jovens, quando estão na idade de conhecer seus pretendentes, para fazer apresentações musicais. À medida que elas vão se casando, são substituídas por outras jovens. Romances calorosos costumam surgir através dos eventos da família, mesmo que os concertos, na verdade, não tenham nada de “musicais”.

Bom, antes de falar sobre a ordem dos livros do Quarteto Smythe-Smith, quero destacar alguns dos méritos de Julia Quinn!

Julia Quinn é uma autora best-seller que já esteve na lista dos melhores vendedores do New York Times 19 vezes. Suas obras já foram traduzidas para 41 idiomas e, segundo a Editora Arqueiro, seus livros já venderam mais de 15 milhões de cópias em todo o mundo. No Brasil foram vendidos mais de 2 milhões!

Além disso, Julia é a autora da famosa série Os Bridgertons, que ganhou uma adaptação para a Netflix. A série alcançou mais de 80 milhões de assinantes, se tornando um dos maiores sucessos da plataforma de streaming.

Conheça outros romances da autora:

>>> Se os conteúdos aqui do blog têm ajudado você, se inscreva no nosso canal do Telegram e no nosso Instagram para ser notificado sobre as novas postagens.

1 – Simplesmente O Paraíso

Simplesmente O Paraíso

Este é o primeiro livro na ordem de Quarteto Smythe-Smith. Simplesmente O Paraíso inicia uma série de romances leves, divertidos, reflexivos, profundos e envolventes.

Honoria faz parte do famoso quarteto da família Smythe-Smith. A protagonista está determinada a encontrar seu par, mesmo que as circunstâncias lhe ofereçam a possibilidade de ter um casamento razoavelmente feliz.

Assim, a princípio, a violinista coloca seus olhos em ninguém menos que Gregory Bridgerton. Já que os pretendentes que ela acreditava que pediriam sua mão sumiram do mapa, ela precisará ser ousada.

Ela não morre de amores por ele, mas lhe parece alguém bem interessante. Até que Marcus cruza seu caminho e pretende ser bem incisivo na vida da protagonista. Ele é o melhor amigo de Daniel, o irmão exilado de Honoria, e fez a promessa de que não deixaria que a menina se casasse com alguém indigno.

Assim, Marcus a observa de longe, sabotando tudo que acha que pode não ser bom para ela. O problema é que já não sabemos se o que ele faz é simplesmente por conta da promessa, ou se está ficando com ciúme.

Os dois já são conhecidos de longa data; desde criança, o homem solitário já era um grande amigo da família de Honoria. No entanto, sentimentos inéditos estão começando a florescer e a história começa a tomar um rumo que eles nunca imaginaram, desencadeando num romance maravilhoso.

Julia Quinn é fantástica quanto a criação de personagens. Sempre encontramos personalidades apaixonantes dentro de seus livros. Honoria e Marcus são um casal extremamente cativante!

2 – Uma Noite Como Esta

Uma Noite Como Esta

Uma Noite Como Esta é o segundo volume na ordem dos livros de Quarteto Smythe-Smith. Aqui acompanhamos a trama de Daniel Smythe-Smith, o irmão exilado de Honoria — protagonistas do livro anterior —, e Anne Wynter.

Daniel, após ter passado 3 anos exilado, está de volta à Londres, e, coincidentemente, na noite em que haverá a tradicional apresentação da família Smythe-Smith. Ao apreciar o concerto, ele se depara com uma moça desconhecida tocando ao lado das jovens de sua família.

Ele fica encantado com a bela mulher e, ao descobrir que ela trabalha como governanta da sua tia, cuidando de suas primas mais novas, imediatamente, tem a ideia de passar um tempo na casa das pequenas.

Anne é uma mulher misteriosa. Também foi exilada e está vivendo com outra identidade, mas, apesar disso, está se saindo muito bem ao cuidar das 3 crianças. É um desafio e tanto, que em pouco tempo lhe proporcionará viver várias situações adversas.

A moça, cheia de segredos do passado, pela primeira vez se sentiu realmente tentada a se entregar a um romance, mas sabe que há muitas coisas, além da classe social, que jogam contra a sua união com Daniel.

Um detalhe sobre este volume é que temos uma trama bem quente, no sentido de que os protagonistas podem estar correndo risco de vida. Daniel tem um inimigo que jurou matá-lo. Mas, quando sua paixão está sob grande ameaça, ele não medirá esforços para livrá-la, pois ter Anne para sempre passou a ser o maior desejo do protagonista.

Em Simplesmente O Paraíso, continuamos percebendo a escrita tão única da Julia Quinn, onde a leveza, junto à fluidez e ao humor, faz o leitor se agarrar à narrativa e não conseguir mais soltar.

A narrativa, que é em terceira pessoa, alterna entre os protagonistas e carrega sempre diálogos bem interessantes

3 – A Soma de Todos os Beijos

A Soma de Todos os Beijos

A Soma de Todos Os Beijos é o terceiro livro na ordem de Quarteto Smythe-Smith. Neste volume, percebemos vestígios do que os acontecimentos da última trama causaram.

Desta vez, temos como protagonistas do romance, Hugh e Sarah. Hugh é o sujeito que causou uma tremenda confusão em Uma Noite Como Esta, que chegou a desafiar Daniel para um duelo por um motivo fútil. Aliás, ele acabou com a perna lesionada.

O Lorde Hugh se arrepende profundamente do que fez e, inclusive, Daniel já o perdoou, mas, por conta de todo o ocorrido, Sarah o Repugna imensamente. Na verdade, também foi por causa dele que ela não pôde se apresentar na temporada passada, que havia sido muito boa para arranjar bons casamentos.

Os dois tiveram a oportunidade de se conhecer em um evento e, então, ela lhe fez todos os insultos possíveis. Contudo, lá eles estão, diante de mais uma temporada Smythe-Smith.

Honoria — protagonista do primeiro livro — é muito amiga de Sarah, e lhe fez um pedido estranho e muito difícil. Honoria estava preocupada que Hugh passasse a temporada luxado e solitário e, por isso, pediu que sua amiga o fizesse companhia. É claro que Sarah deu um ataque, mas, no fim, acabou aceitando o pedido.

É a ocasião perfeita para que a protagonista “mate” Hugh, ou então, quem sabe, passe a amá-lo intensamente.

4 – Os Mistérios de Sir Richard

Os Mistérios de Sir Richard

Este é o quarto e último volume da série Quarteto Smythe-Smith. Em Os Mistérios de Sir Richard, acompanhamos a trama de um protagonista bem enigmático.

Richard Kenworthy precisa se casar imediatamente. Por isso, Richard parte para Londres e, quando é convidado para o evento anual da família Smythe-Smith, vê a oportunidade perfeita para atingir seu objetivo.

Richard tem muita pressa, pois tem menos de um mês para encontrar alguém e fazê-la se apaixonar por ele. Por conta das circunstâncias, ele sabe que não poderá ser tão exigente e que, mesmo uma moça não tão bonita pode resolver seu problema.

Então, um quarteto muito conhecido em Londres parece ser a solução. A moça do Violoncelo é uma solteira que está na idade de se casar. Entendendo que essa é a oportunidade perfeita, Richard começa suas investidas.

Iris Smythe-Smith está longe de apresentar aquela beleza exuberante dos padrões da sociedade e, além disso, não dispõe de grandes dotes. Por isso, sabe que também não poderá ser muito exigente quanto à escolha do seu marido.

Durante um daqueles concertos que ela não faz tanto gosto de participar, percebe os olhares de Richard, o que acaba deixando-a ainda mais sem jeito. Mas ele é muito atencioso e, como nunca alguém tinha dado tanta atenção à Iris, a aproximação aconteceu rápido.

Assim, o protagonista, uma semana depois, pediu a moça em casamento. Iris, apesar de gostar de Richard, diz que precisa pensar. Então, desprovido de tempo, ele força um beijo na jovem, o que a coloca em uma situação delicada, pois é praticamente obrigada a se casar com ele.

Sem escolha, Iris segue para sua nova vida ao lado do seu marido. Todavia, a convivência começa a mostrar que Richard esconde segredos estranhos, e, tempos depois, ele ainda não consumou o casamento, o que torna tudo ainda mais suspeito.

Mesmo que o sentimento seja real, a trama vai se desenrolando em meio à desconfiança.

Conclusão

Não é a primeira vez que Julia Quinn apresenta seu estilo tão peculiar para desenvolver uma obra literária. No entanto, mesmo que os fãs da autora já tenham apreciado outros bons romances da mesma, ela é sempre capaz de surpreender.

Com enredos normalmente leves, ela consegue engatar leituras doces, dinâmicas e extremamente cômicas. Não é à toa que Julia é conhecida como a rainha dos romances de época.

Enfim… Se você gostou deste artigo, compartilhe com seus amigos para ajudar nosso projeto crescer mais e mais. 

E, se ficou alguma dúvida, deixe nos comentários abaixo para que possamos ajudar você.

Gostou de conhecer a ordem dos livros do Quarteto Smythe-Smith? Veja outros posts recentes do blog!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.