melhores livros de clarice lispector

Top 6 Melhores Livros de Clarice Lispector

[cn-social-icon]

Uma das grandes mentes na literatura nacional, com livros que trazem filosofias sobre morte, vida, existência, sentimentos e sociedade. Assim são os enredos dos melhores livros de Clarice Lispector, um gênio na arte de descrever o íntimo do ser humano de forma orgânica.

Se você ainda não conhece a autora (ou se já conhece também), separamos os 6 melhores livros publicados. Aproveite para descobrir mais sobre ela e já incluir as principais obras em sua lista de favoritos. Continue acompanhando este post para descobrir ainda mais.

No geral, os enredos são narrados em primeira pessoa (na grande maioria), trazendo personagens cotidianos em situações diferentes. Assim, o comum entre as obras é a profundidade filosófica que apresentam. Por exemplo, em um deles a protagonista espreme uma barata e acaba refletindo sobre sua existência.

Em outro dos melhores livros de Clarice Lispector, acompanhamos a jornada de uma aspirante a estrela. Os questionamentos existenciais continuam presentes em uma fábula moderna sobre o valor do ser humano. E esse estilo narrativo está presente em quase todas as suas obras.

Que tal entender um pouco mais sobre cada um deles? Como Clarice é todo um universo à parte, pode ser interessante compreender o que cada obra aborda. Aproveite para ler um resumo sobre os melhores livros e o enredo principal deles.

>>> Mas antes: não perca mais nenhuma publicação do nosso blog, se inscrevendo nos nossos outros canais de comunicação. Você será avisado sempre que sair um novo post → Canal no Youtube, Canal do Telegram e Instagram.

Perto do Coração Selvagem – 1943

Perto do coração selvagem

Em Perto do coração selvagem, o primeiro em nossa lista de melhores livros de Clarice Lispector, conhecemos Joana. O enredo do livro narra a infância e vida adulta da protagonista, através de suas memórias. Assim, ela é uma representação humana da vontade de algo que nem sabemos o que é.

Ao longo da narrativa, conhecemos a personalidade da protagonista, destemida e voraz no desejo de ser livre, de viver, de experimentar. Então, o conteúdo é um show de questionamentos, reflexões sobre desejos e moral. Existe uma potência de sentimentos que suga o leitor, ao descrever pequenas ações.

Com isso, tudo se torna o filosofar do cotidiano, acompanhando o casamento falido de Joana, os triângulos amorosos que aparecem. Por isso, se você quiser conhecer um pouco mais sobre esta obra, basta clicar aqui embaixo e já incluir em sua lista de próximas leituras.

O Lustre – 1946

O Lustre

No segundo título da nossa lista de melhores livros de Clarice Lispector, onde é possível acompanhar a vida de Virgínia. Então, vemos o crescimento da quieta protagonista e suas memórias emocionais através do lustre da casa onde morava. O objeto se torna um referencial para o estado de espírito.

Assim, o livro trata muito sobre a vivência de um ser sem afeto e as consequências do isolamento para o emocional. Também é recheado de filosofias sobre as relações humanas e como elas são fundamentais para o desenvolvimento. Mais uma opção de leitura incrível para começar a acompanhar.

Laços de Família – 1960

Laços de Família

O terceiro em nossa lista de melhores livros de Clarice Lispector é Laços de Família, um pouco diferente dos outros títulos. Afinal, ele é uma coletânea de 13 contos, que tratam sobre vários aspectos das relações familiares. Assim, cada um deles é uma micro-história diferente.

Basicamente, os enredos falam sobre a estrutura familiar, o papel da mulher na sociedade e os vínculos humanos que criamos. São situações do cotidiano, bem comuns, que poderiam acontecer com qualquer pessoa. Essa é a graça do livro, que escancara realidades que quase nunca pensamos em questionar.

A Paixão Segundo G.H. – 1963

A Paixão Segundo G.H.

Se pudesse escolher um favorito entre todos os melhores livros de Clarice Lispector, com certeza seria A paixão segundo G.H. Ele é uma obra totalmente incomum, expondo toda a organicidade do ser humano. É de uma profundidade e força fora da curva, também com os questionamentos tradicionais da autora.

Então, a protagonista, meramente descrita como G.H., é uma verdadeira madame, que acaba por mandar a empregada embora. Ela decide fazer uma limpeza no quartinho onde a doméstica vivia e acaba esmagando uma barata. Ao perceber a cena, é que a narrativa toma forma.

Não vou me ater muito à cena da barata, que vai de 0 a 100 em uma página. Afinal, é preciso vivenciar o incômodo que a escrita proporciona para ter a experiência completa. Porque quase tudo nesse livro é sobre experiências e reconhecimento. Assim, cada leitor com certeza terá uma percepção diferente.

Acontece que depois da barata, G.H. começa a questionar sua vida de fato. Ela entra na reflexão sobre sua existência, sobre a morte, vida e os desejos e aspirações. Vale a pena colocar essa obra em suas próximas leituras e se jogar no universo que é a escrita de Clarice Lispector.

A Legião Estrangeira – 1964

a legião Estrangeira

Em A Legião Estrangeira, mais um dos melhores livros de Clarice Lispector, a sensação é de espiar por uma janela da vida alheia. Esta é outra coletânea de contos cotidianos, mostrando alguns aspectos das relações humanas. Assim, a autora traz o foco para a solidão, crianças perversas e família.

O mais legal sobre a narrativa, novamente, é que as situações são muito triviais, comuns. E Clarice desnuda os sentimentos por trás de acontecimentos banais, como uma senhora que muda muitas vezes de casa. Com certeza você vai se apaixonar pela profundidade das experiências narradas na percepção da autora.

A Hora da Estrela – 1977

A Hora da Estrela

Por fim, não poderíamos terminar nossa lista de melhores livros de Clarice Lispector sem A hora da estrela. Esta é uma das obras mais premiadas da autora, e com razão. A maestria e potência com as quais conduz a narrativa são dignas de aplauso.

Neste título, a protagonista Macabéa é uma alagoana que se muda para o Rio de Janeiro. É preciso pontuar a simplicidade e inocência da personagem, que convive com as próprias mazelas de forma ingênua. Assim, Clarice faz um retrato das minorias pobres no país, com uma crítica social construída pouco a pouco.

Além disso, o enredo explora o universo feminino, as possibilidades do ser humano e a simplicidade com que a protagonista encara suas emoções mais profundas. O livro é tão intimista e bem feito que acabou virando uma adaptação para os cinemas em 1985.

Clarice Lispector: A Inclassificável

Quase todos os conteúdos que falam sobre Clarice Lispector descrevem sua personalidade como enigmática. Nascida na Ucrânia, escreveu diversos poemas, livros, contos, trabalhos infantis e crônicas depois de se estabelecer no Brasil. Hoje, é considerada uma das mais importantes escritoras nacionais do século vinte.

Escreveu seu primeiro livro com 24 anos, em 1943, já recebendo o prêmio Graça Aranha pela obra. Depois disso, foram mais de 18 títulos em seu nome, até o final de 1977. No dia 9 de Dezembro, o Brasil perdia Clarice Lispector por um tumor no ovário, sobrando apenas suas incríveis produções para a eternidade.

Conclusão: vale a pena ler os melhores livros de Clarice Lispector?

De maneira bem suspeita, vou dizer que os melhores livros de Clarice Lispector são uma excelente opção de leitura. Afinal, sou apaixonada pela autora e não poderia deixar de render elogios para as filosofias existenciais que ela aborda. Mas preciso dizer também que não é um tipo de leitura comum.

Para entender o desenvolvimento das obras de Clarice, é preciso realmente estar afim. Isso porque ela é bem complexa em alguns momentos, divagando sobre a existência humana, morte, sentimentos, desejos e muito mais. O ritmo de escrita é incomum, o que torna as obras tão incríveis.

As narrativas que ela propõe, recheadas de pensamentos, monólogos dos protagonistas tornam o conteúdo rico, mas com um ritmo pouco acelerado. Então, se você curte algo mais profundo, sem tantas cenas de ação e mais descrições de sentimentos e intenções, essa é a leitura perfeita no seu caso.

Então, com certeza vale a pena aproveitar cada um dos melhores livros de Clarice Lispector e incluir em suas próximas leituras. Com sua poesia e prosa, seus protagonistas triviais e muita percepção sentimental, não é à toa que se tornou um dos maiores nomes na literatura nacional.

Gostou de conhecer os melhores livros de Clarice Lispector? Veja também outros posts recentes do blog

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *