ordem dos livros caraval

Trilogia Caraval: Ordem dos Livros e resenha

Uma trilogia eletrizante, com mistério, magia e personagens muito bem construídos e romances pouco clichês, Caraval é uma leitura impactante, que surpreende a cada capítulo. Se você gosta de ação, livros de fantasia e romance, esse é o livro perfeito.

Os livros são da autora americana Stephanie Garber que escrevia como hobby no seu tempo livre. Ela teve muitas rejeições, mas persistiu pois sabia do seu potencial. Quando escreveu Caraval, a crítica ficou dividiu opiniões entre “esplêndido” e “confuso”, mas apesar disso, o livro que seria apenas um romance se tornou trilogia e é um grande sucesso. Conheça no texto a ordem dos livros de Caraval.

Ordem dos Livros de Caraval

Caraval

caraval ordem livros


O primeiro livro da ordem de livros de Caraval traz a história Scarlett e sua irmã Donatella, que vivem na Ilha de Trisda, sob o domínio do pai, o Governador Dragna, um déspota, cruel e obcecado por manter as filhas no controle.

A mãe das meninas desaparecera de forma misteriosa, e desde então a avó conta a elas histórias sobre o Caraval, que torna Scarlett obcecada pelo evento, ela envia cartas para o Mestre do Caraval há anos, mas nunca obteve respostas.

O Caraval é um evento cercado de mistérios e magia, ele acontece uma vez no ano e sempre em locais diferentes e é apresentado pelo mais misterioso ainda Mestre Do Caraval. Para participar é preciso ser convidado e escolher entre entrar na caça ao tesouro ou apenas assistir.

Scarlett é a irmã mais velha, sempre cuidou de sua irmã, obedeceu a todos, era uma garota exemplar, seu casamento havia acabado de ser arranjado com um Conde, quando finalmente ela recebeu uma carta do Mestre do Caraval, convidando ela a participar do próximo evento, na carta havia 3 convites.

A jovem nunca tinha saído da Ilha e nem contrariado seu pai, que apesar de cruel e humilhá-la, ela o amava e respeitava. Já Donatella é mais destemida e vê no convite uma chance de escapar das garras de seu pai.

Donatella bola um plano para escapar e ir ao Caraval e conta com a ajuda de Julian, um marinheiro misterioso para convencer a irmã a arriscar tudo e embarcar na aventura.

Scarlett é convencida e parte junto com Tella (como ela chama a irmã) e Julian, se aproximando do local marcado no convite, eles são surpreendidos por bandidos e Tella é sequestrada. Encontrando-se completamente perdida, Scarlett só tem Julian para confiar, a relação dos dois acaba se aprofundando, ela conhece algumas partes da história sombria do rapaz, mas consegue ver nele bondade.

Ao chegar ao evento, Scarlett descobre que tem apenas 5 dias para salvar sua irmã e que ao ganhar o torneio, ela terá direito a um desejo.

Caraval era totalmente diferente do que ela havia imaginado sua vida toda, é um jogo cruel, sombrio, onde nada é o que parece e que para vencê-lo e salvar sua irmã, ela precisaria abrir mão de seus princípios e encontrar força.

Scarlett ainda está aterrorizada com o sequestro da irmã, com medo de seu pai descobrir onde ela está e torturá-la, mas também está determinada a vencer o jogo, custando o que custar.

Lendário

lendário

O segundo volume da ordem de livros de Caraval começa com Scarlett ganhando o jogo e finalmente se reencontrando com Tella, que na verdade não estava em perigo, mas sim junto a um grupo de atores que trabalhavam no jogo.

A narrativa deste é contada por Donatella, a irmã destemida e vista por todos na Ilha apenas como bela e coitada, quando na verdade Tella é um furacão, cheia de vida e corajosa.

Quando a mãe estava viva, Donatella encontrou um baralho Arcano nas coisas dela e a mãe a advertiu dizendo que era extremamente perigoso, mas a menina escondeu uma carta e guardou por muitos anos.

Agora no pós-Caraval, Donatella precisa cumprir uma promessa que fez a um “Amigo”. Ela prometeu a ele que descobriria e revelaria a identidade do Mestre do Caraval em troca de convites para o evento, o desconhecido cumpriu sua parte, agora ela precisa cumprir a dela, mas em segredo.

Durante o tempo em que passou longe de Scarlett, Tella conheceu Dante, um dos atores da  contratados pelo imortal denominado “Lenda”. E o romance dos dois se inicia logo de cara.

Donatella recebe pistas sobre o paradeiro da mãe e convence Scarlett, Julian e Dante a irem até a nova cidade onde o Carval irá acontecer.

Scarlett está apreensiva pois sabe que possivelmente seu noivo, o Conde, estará na cidade, mas o que ela não sabe é que Julian esconde segredos dela e talvez o Conde não seja tão mau como dizem.

O grupo foi a um castelo onde estaria acontecendo uma coroação, e eles descobriram que não estavam na lista de convidados, com a iminência de serem presos, Dante revela a todos que Scarlett é a noiva do Conde, a quem o castelo pertence.

Um falso Conde se apresenta e revela a Scarlett algumas verdades sobre Julian, eles discutem feio e Scarlett revela não confiar mais nele.

Durante o baile, eles conhecem o Conde real, chamado Jacks, e descobrem que é ele quem se apresenta como “amigo” de Donatella, e ele durante uma dança com ela, pede para que ela finja ser a sua noiva e que isso faz parte do Jogo.

A carta que Tella roubou do baralho de sua mãe é um Valete de Copas que tinha um significado sombrio por trás. Jacks conta a ela que um de seus codinomes é Valete de Copas e que eles estariam conectados e ele então entrega a ela uma carta de Tarot com a imagem de sua mãe.

Donatella acredita que sua mãe está presa na carta e só conseguirá salvá-la se vencer o Caraval e descobrir quem é o Mestre.

A farsa do noivado entre Jacks e Tella irrita profundamente Dante, que faz de tudo para atrapalhar os planos, mas acaba ajudando Tella a procurar pistas sobre o paradeiro de sua mãe. Ao mesmo tempo que Scarlett descobre os segredos de Tella e Jacks, fica furiosa com a irmã e foge.

Tella descobre diversos segredos sobre o passado de sua mãe e acaba se deparando com uma rainha dos mortos e sai gravemente ferida do encontro e é salva por Dante.

De volta ao castelo, Tella descobre que o anel que herdado de sua mãe é a chave para libertá-la e as intenções de Jack e a verdadeira identidade da Lenda é revelada. Donatella se vê sem rumo após as descobertas, mas descobre uma maneira de libertar sua mãe, mesmo que isso custe sua própria liberdade.

Em um ato desesperado, Dante faz um sacrifício enorme por Tella, mas percebe que seu coração pertence a outro e segue seu caminho, deixando a jovem a mercê do destino.

Finale

finale

O último volume da ordem de livros de Caraval encerra a história das irmãs Scarlatt e Donatella, que resolveram arriscar suas vidas em uma aventura no festival cercado de mistérios, o Caraval, se passando cerca de dois meses após os acontecimentos do segundo livro.

A Lenda após muitas decepções resolve reivindicar o trono, Donatella ainda está confusa com tudo que aconteceu, mas sabe que a maldição que cercava o baralho foi quebrada e sua mãe foi enfim libertada, mas permanece em sono encantado. 

Scarlett e Julian estão juntos novamente, mesmo com os problemas de confiança dela, o que a faz montar um jogo no qual Julian precisa provar para ela que realmente ama. O romance dos dois é leve e emocionante. Julian revela ser irmão da Lenda e que sempre tentou ajudá-lo, mesmo quando isso prejudicava o amor dele por Scarlett.

Jacks, o Valete de Copas, enfrenta uma batalha contra o sentimento que sente por Donatella e seu egoísmo.

O passado da mãe volta e trás consigo grandes consequências para as meninas e alguns personagens secundários ganham bastante destaque, como a Estrela Caída que tem um plot twist gigante.

Será que a Lenda vai ser seu coração e torna-se mortal para poder ficar com seu amor ou continuará solitário e sombrio pelo resto dos dias?

Quem ganhará o amor de Donatella?

PS: Atente-se que por enquanto o livro está disponível apenas em inglês.

Gostou de conhecer a ordem dos livros de Caraval? Veja outros posts recentes do blog!

2 comentários em “Trilogia Caraval: Ordem dos Livros e resenha”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.