livros de nassim taleb

Livros de Nassim Taleb – As 5 obras da Série Incerto

Nassim Nicholas Taleb é talvez o pensador e filósofo mais importante do mercado financeiro mundial. Ele é libanês, país do qual fugiu quando lá ocorreu uma guerra civil. Estudou Economia pela Universidade de Paris, onde mais tarde também obteve o título de PhD.

O economista é autor da coletânea “Incerto”, traduzida para 41 idiomas e que conta com 5 livros. Nesse texto vamos tratar apenas dessa coleção, e deliberadamente não iremos resenhar o primeiro livro do autor, Dynamic Hedge, já que esse livro só está disponível em inglês e é totalmente focado no mercado de ações de futuros, fugindo um pouco do que os leitores do blog estão procurando. 

Além de ser um dos investidores mais bem sucedidos de todos os tempos, sua obra literária influencia milhares de gestores de e investidores ao redor do mundo, mas excedendo também esse campo nichado. 

Muito mais que economia, os livros de Nassim Taleb tratam sobre eventos inesperados, adaptações em nossa vida para superar tempos difíceis, sorte e tomada de decisões. 

Iludidos Pelo Acaso

Iludidos Pelo Acaso livros de nassim taleb

Iludidos Pelo Acaso é o primeiro entre os livros de Nassim Taleb da série Incerto. Como o autor já indicou todas as vezes que vem desenvolvendo os livros um como continuação do outro, no sentido de explorar mais a fundo as suas ideias, talvez seja uma atitude sábia iniciar a leitura de Taleb por esse livro. 

Nele, vamos debater muito sobre a sorte, principalmente a sorte disfarçada de mérito. Afinal, até que ponto uma história de sucesso não foi uma história de sorte?

Um dos exemplos utilizados pelo autor no livro é o de uma roleta russa, na qual apenas 1 dos seis buracos do revólver está preenchido com um projétil. Dessa forma, a chance da pessoa sair viva após alguém apertar o gatilho é bem maior do que de ser atingida pela bala, mas o custo de dar errado é a destruição total da pessoa. 

Se trouxermos essa analogia para a vida real, podemos dizer que somos atraídos pelo viés do sobrevivente, já que ninguém irá contar a história daqueles que perderam tudo. Por isso, não devemos nos deixar impressionar pelas histórias de quem conseguiu o sucesso muito rápido: muitas vezes os caminhos são dificilmente replicáveis. Somado a isso devemos lembrar sempre que na vida real, calcular as probabilidades corretas é praticamente impossível. 

Além disso, mesmo pessoas que trabalham com estratégias que não fazem absolutamente nenhum sentido muitas vezes podem sair vencedoras – afinal, até mesmo um relógio quebrado está certo duas vezes ao dia. 

Às vezes a performance de um empresário de visão ou de um trader talentoso pode ser mais influenciada pelo acaso do que pela habilidade. É claro que temos a tendência de acreditar que eventos não acontecem ao acaso e tentamos encontrar razões onde nenhuma razão existe, mas este best-seller irreverente acaba com essa nossa ilusão.

Assim, cabe a nós trabalhar para vencer apesar da sorte ou azar. 

A Lógica do Cisne Negro

A Lógica do Cisne Negro livros de nassim taleb

Esse é o segundo dos livros de Nassim Taleb. Pessoalmente, é meu livro preferido da série Incerto. 

Nessa obra o autor volta a falar de sorte e azar trazendo vários elementos do primeiro livro, além de se debruçar sobre a falácia das previsões, e vai na contramão da maior parte dos economistas. 

Como analogia inicial, ele utiliza o consenso que existia na Europa de que todos os cisnes eram brancos. Esse consenso existia porque os pesquisadores europeus nunca haviam visto um cisne negro. Mas a ausência de prova não pode ser considerada prova de ausência e essa certeza caiu por terra quando a Austrália foi descoberta e lá foram avistados cisnes negros. 

Outra analogia é a do peru. Imagine que um peru é alimentado durante 1000 dias pelos seus donos. Da sua perspectiva, ele vive em uma família bondosa que lhe fornece tudo que é necessário para sua vida. Assim, quanto mais dias se passam, na visão do peru, seu bem-estar aumenta e a chance de que ele viva a sua rotina é cada vez maior. Porém, inesperadamente no milésimo primeiro dia a mesma família bondosa que sempre lhe deu tudo acaba subitamente com a sua vida para o servir no dia de ação de graças. Ou seja, um evento imprevisível que contrariou toda a sua experiência acaba de acontecer e sua sobrevivência acaba por ali. 

A Lógica do Cisne Negro de Nassim Taleb é um livro que fala sobre o poder de eventos altamente improváveis que transformam o mundo, tal qual o mundo do peru foi transformado. Esses eventos geralmente têm três características, sendo elas: raridade, impacto extremo e previsibilidade retrospectiva (mas nunca prospectiva). 

Segundo o autor, a aleatoriedade é responsável pela maioria dos fatos transformadores do mundo (muito embora a mente humana sempre busque correlações genéricas para explicar fatos inexplicáveis). Tudo que importa: guerras, epidemias, correntes artísticas, tudo surge em meio ao aleatório.

O Leito de Procusto

O Leito de Procusto

O Leito de Procusto leva o título da mitologia grega: a história de um homem que fazia seus visitantes caberem perfeitamente em sua cama, esticando-os ou cortando seus membros. Esse é o terceiro dos livros de Nassim Taleb.

Essa referência mitológica representa a visão de Taleb dos efeitos colaterais da civilização moderna – modificar humanos para satisfazer a tecnologia, culpar a realidade por não se adequar a modelos econômicos, inventar doenças para vender drogas, definir inteligência como o que pode ser testado em sala de aula e convencer as pessoas de que o emprego não é escravidão.

Brincalhão e irreverente, esses aforismos irão surpreendê-lo ao expor a autoilusão com a qual você tem convivido, mas nunca reconheceu.

Com uma rara combinação de sagacidade aguda e sabedoria potente, Taleb demonstra as ilusões humanas contrastando os valores clássicos de coragem, elegância e erudição com as doenças modernas de nerdice, filistinismo e falsidade.

Embora haja uma versão em português do livro, nem sempre ela está disponível para venda e quando está o valor não compensa, portanto estamos recomendando a obra em inglês.

Antifrágil

Antifrágil livros de nassim taleb

Em A lógica do Cisne Negro, Taleb demonstrou que acontecimentos altamente improváveis e imprevisíveis dominam a nossa existência. Em Antifrágil, o autor confere um novo conceito à incerteza, tornando-a desejável e até mesmo necessária. Em geral, muitos leitores encaram essa obra como o ponto auge da série Incerto. 

Assim como ficamos fisicamente mais fortes quando submetidos à tensão, muitas coisas se beneficiam do estresse, da desordem e da volatilidade. 

Assim, Taleb pincela os conceitos de sua tríade: o frágil, o robusto e o antifrágil (um termo que ele cunhou). O que Taleb identificou e chama de antifrágil não só tira proveito do caos, como precisa dele para sobreviver e florescer. 

Ao contrário do robusto, o antifrágil se beneficia do caos. O robusto apenas resiste a ele. Além disso, ele é imune a erros de previsão e está protegido de eventos adversos.

Como já vimos nas suas obras anteriores, Taleb utiliza exemplos históricos (por exemplo do Cisne Negro, das Torres Gêmes) e mitológicos (como de Homero e a sereia e os aforismos apresentados em O Leito de Proscuto). 

Para demonstrar o que é frágil, por exemplo, ele utiliza o exemplo da espada de Dâmocles. Este era um bajulador de Dionísio, um tirano que comandava Siracusa. Em determinado dia, após Dâmocles demonstrar que acredita que Dionísio era muito sortudo por estar em uma posição de governante, o tirano ordenou que trocassem de lugar por 1 dia, e mandou colocar sobre o trono uma espada sustentada apenas por um fio de rabo de cavalo. A metáfora é sobre como a posição do governante é boa, porém muito instável e frágil. 

Para demonstrar o conceito de robusto, Taleb fala sobre a fênix que vive eternamente renascendo das cinzas. Porém cada vez que ela renasce, ela não se modifica, sendo sempre a mesma ave de antes.

O significado do conceito antifrágil é desenvolvido durante todo o livro, mas introduzido pela história de Hidra, um ser mitológico com corpo de mulher e cabeças de serpente. Cada vez que a Hidra perdia uma cabeça, nasciam duas no lugar, tornando-a praticamente invencível. A Analogia, nesse caso, se refere ao fato de se tornar mais forte após uma derrota.

Extremamente ambicioso e multidisciplinar, Antifrágil é sobre como se comportar ― e prosperar ― em um mundo cheio de imprevistos.

Arriscando A Própria Pele

Arriscando a própria pele

Neste livro de Nassim Taleb, o autor mostra que colocar a pele em jogo se aplica a todos os aspectos da vida. Tem a ver com ter algo a perder e correr riscos. Em seu estilo belicoso e inimitável, Taleb cria uma estrutura surpreendente para entendermos esta ideia. 

Novamente ele faz apelos históricos e mitológicos para demonstrar porque na sua visão muitas coisas no mundo atual dão errado porque o tomador de decisão não arrisca a própria pele. Um exemplo que ilustra muito esse conceito é o de generais antigos como Alexandre, o Grande, por exemplo. Na sua época de conquistas ele ia junto com as tropas na linha de frente das batalhas. Já as guerras de hoje os tomadores de decisão normalmente estão a milhares de quilômetros de distância da guerra em si. 

Na sua visão, atualmente muitas pessoas como os ditos “gurus” não têm ligação com a terra, ou seja, não estão conectados com a realidade. Elas têm capacidade de explicar, mas muitas vezes não tem capacidade de fazer o que estão explicando. Ou seja, temos um exército de pessoas tomando decisões e dando conselhos mas que no frigir dos ovos não sentem as consequências dessas decisões na própria pele. 

Este livro é sobre a importância de identificar e filtrar a baboseira, o papo furado, isto é, a diferença entre teoria e prática. Trata das distorções da simetria e da reciprocidade na vida: se você obtém as recompensas, deve também correr alguns riscos, e não permitir que outros paguem o preço pelos seus erros. Se você inflige riscos a outras pessoas, e elas são prejudicadas, você deve pagar um preço por isso.

Arriscar a própria pele diz respeito principalmente à justiça, à honra e ao sacrifício, fundamentais para a própria existência dos seres humanos.

Gostou de conhecer os livros de Nassim Taleb? Veja outros posts recentes do blog!

2 comentários em “Livros de Nassim Taleb – As 5 obras da Série Incerto”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.