ordem de hearstopper

Heartstopper – Ordem Dos HQs e Diversidade em Pauta

Esta é uma história em quadrinhos publicada pela autora britânica Alice Oseman. Durante a ordem de Heartstopper veremos temas como amizade, romance, relacionamentos homoafetivos, respeito, representatividade e outros assuntos que fazem parte do dia a dia de jovens e adultos.

A história narra o cotidiano de Charlie, um rapaz assumidamente gay que conhece Nick, um garoto sensível e praticante de esportes.

A HQ conta com 4 volumes (em uma leitura que pode ser feita de forma muito rápida), é considerada uma das mais adoradas sagas de quadrinhos dos últimos tempos e está prestes a ser adaptada para uma série no canal de streaming Netflix. A série terá uma temporada com episódios de 30 minutos escritos por ela mesma e dirigidos por Euros Lyn, que também dirigiu séries como Doctor Who.

>>> Atenção: Para ficar por dentro de todos os posts do blog, cadastre-se em nosso Telegram ou no nosso Instagram.

Heartstopper – Volume 1 – Dois garotos, um encontro (2017)

ordem de hearstopper 1

Esse é o primeiro livros da ordem de Heartstopper. Heartstopper conta a história de dois rapazes estudantes, Charlie Spring e Nick Nelson. Ambos são bem distintos um do outro. Charlie, gay assumido, sofre com o bullying na escola. Nick, por sua vez, é bastante popular, especialmente por ser um excelente jogador de rugby.

Nesse volume é contado como Nick e Charlie se conheceram. Em um dado momento ambos passam a conviver mais tempo um com o outro e surge uma forte amizade. A amizade entre dois garotos tão diferentes se fortalece e eles precisam lidar com alguns sentimentos bastante conflitantes.

Charlie se sente inseguro ao saber que está nutrindo um amor por um rapaz heterossexual. Porém, o próprio Nick está em dúvida a respeito dos seus sentimentos, dando a entender que ambos estejam prestes a descobrir que o amor pode funcionar de diferentes formas.

Heartstopper – Volume 2 – Minha pessoa favorita (2019)

ordem de heartsopper 2

Na segunda história da ordem de Heartstopper, Charlie e Nick devem compreender o que um beijo pode representar a amizade de ambos. Charlie e Nick são bons amigos, mas um beijo em uma festa abala esse sentimento. 

Charlie pensa que cometeu um grande equívoco e selou o fim da amizade. Mas Nick fica confuso e passa a ver as coisas sob uma nova perspectiva e, com o auxílio de Charlie, sente a oportunidade de entender ele mesmo.

Heartstopper – Volume 3 – Uma viagem a Paris (2020)

Heartstopper - Volume 3 - Uma viagem a Paris

No terceiro volume da ordem de Heartstopper, há uma viagem para Paris, e no meio disso tudo, Nick e Charlie assumem o namoro entre os dois. Nick sente dificuldade em falar isso para o seu irmão mais velho e demais familiares.

Heartstopper – Volume 4 (2021)

Heartstopper - Volume 4

O quarto capítulo da ordem dos livros de Heartstopper inicia onde a história anterior parou: retorno da viagem à Paris. Além disso, Nick reparou que Charlie possui transtornos alimentares e tenta esconder isso de todos. 

A autora mostra nesse arco os personagens mais fragilizados, dando um tom diferente em relação ao restante da série. Há também um maior desenvolvimento de outros personagens, tornando esse capítulo bastante interessante.

O quinto e último volume da série em quadrinhos deverá ser lançado ainda neste ano em 2022.

Um pouco mais sobre a autora

Alice Oseman nasceu na cidade de Catham, Inglaterra, em 1994. Ela estudou em Rochester Grammar School e se graduou em Literatura Inglesa na Durham University.

A sua estreia na literatura ocorreu em 2014 ao lançar o romance Solitaire, que narra as histórias de Tori Spring, uma adolescente extremamente pessimista e que, um dia conhece Michael, um rapaz bastante otimista.

A história explora sentimentos como relacionamentos homoafetivos, amizade, transtornos alimentares e dúvidas existenciais.

Oseman expandiu o seu universo literário e publicou dois spin-offs de Solitaire em e-books, são eles “Nick and Charlie” e “This Winter”.

Em 2016, Alice Oseman publicou “Radio Silence”, protagonizado pela Frances Janvier. A história mostra Janvier envolvida em sua admissão em Cambridge, uma das universidades mais tradicionais e conceituadas do Reino Unido.

Mais uma vez a autora mostra que tem domínio ao explorar conceitos como a representatividade, conflitos existenciais e amizade.

Já no livro “I was born for this” a escritora mantém o foco na história de uma banda e nos ardorosos fãs adolescentes, enquanto no livro “Loveless” ela traz um texto mais intimista, baseado nas suas experiências quando frequentou a universidade.

O Osemanverse

O universo literário da escritora Alice Oseman envolve as HQs Heartstopper e outros trabalhos que ela vem publicando desde 2014. 

O livro Solitaire é a obra de estreia da autora de 27 anos. Logo no ano seguinte ela publicou as novelas “Nick and Charlie” e “This Winter”.

Em seguida Oseman publicou os romances “Radio Silence” (2016), “I was born for this” (2018) e “Loveless” (2018).

Charlie, um dos protagonistas de Heartstopper, é irmão de Tori Spring, uma das protagonistas do livro Solitaire.

Uma característica marcante do Osemanverse é o fato de que as histórias destacam conflitos dos adolescentes contemporâneos de forma bastante natural e simples.

Heartstopper como série da Netflix

A Netflix do Reino Unido já anunciou uma adaptação da história em quadrinhos Heartstopper. Os dois protagonistas já foram escolhidos e serão interpretados pelos atores Joe Locke e Kit Connor.

Ainda estão no elenco: 

  • Jenny Walser
  • William Gao
  • Yasmin Finney
  • Corinna Brown 
  • Kizzy Edgell
  • Sebastian Croft 
  • Cormac Hyde-Corrin 
  • Tobie Donovan
  • Rhea Norwood 
  • Fisayo Akinade 
  • Chetna Pandya 
  • e Alan Turkington.

A previsão é de que a primeira temporada da série contará com 8 episódios de 30 minutos cada. A estreia é para o primeiro semestre de 2022.

A representatividade vem ganhando importância na cultura pop

Hoje em dia cada vez mais personagens LGBTQ+ estão ganhando voz e protagonismo, seja em séries de TV, livros, games, cinema e histórias em quadrinhos.

Heartstopper apresenta uma narrativa que trabalha muito bem o relacionamento entre os protagonistas, de forma muito natural e sem estereótipos.

Com o lançamento da série na Netflix, o público terá uma boa oportunidade de conhecer parte do universo criado por Alice Oseman e ver esses personagens em uma outra mídia.

E aí, você já conhece a série em quadrinhos Heartstopper? Está ansioso para a estreia no streaming? Deixe o seu comentário para nós. Abaixo, veja também outros posts recentes do blog!

2 comentários em “Heartstopper – Ordem Dos HQs e Diversidade em Pauta”

  1. Eu simplesmente adorei a serie, a leveza de como é abordado o amor entre os dois é muito bom. É tão bonito ver esse tema ser contado assim. EU cresci com um dilema tão grande sobre a minha sexualidade e não tínhamos acesso dessa forma à informação, e até mesmo não falávamos, fico feliz por ter essa representatividade e hoje as pessoas poderem ter acesso e poderem ser representadas. Que venha a segunda temporada.

    1. Olá, Wanderson, obrigado pelo comentário. Seu depoimento é muito importante. Espero que tenhamos cada vez mais representatividade na nossa cultura <3

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.